sexta-feira, 8 de abril de 2011

Curitiba inscreve Ligeirão Leste-Oeste e Inter 2 no PAC

07/04/2011 - Agencia Curitiba

Curitiba inscreveu no PAC da Mobilidade das Grandes Cidades dois projetos para a evolução da Rede Integrada de Transporte (RIT), que somam R$ 441,5 milhões. 

Deste total, R$ 318,5 milhões são para a duplicação da capacidade de transporte da Linha Direta Inter 2, a partir da readequação da infraestrutura viária e a reconstrução de cinco terminais de transporte. Outros R$ 123 milhões são para a implantação do Ligeirão no eixo Leste-Oeste.

“O planejamento de Curitiba tem o transporte público como prioridade. Avançamos com a Linha Verde, o ligeirão e com o aumento da capacidade da RIT. O melhor transporte público em uma cidade não se dá apenas com um sistema ou um tipo de veículo, mas pela multimodalidade”, diz o presidente do Ippuc, Cléver de Almeida.

Metrô - Os dois projetos foram inscritos juntamente com o projeto de implantação da primeira fase do Metrô de Curitiba - orçado em R$ 2,2 bilhões - e se enquadram nos critérios do PAC 2 que prevê investimentos de R$ 18 bilhões.

Os recursos serão usados em financiamentos para sistemas de transporte sobre pneus, corredores de ônibus exclusivos e de veículos leves sobre pneus e ainda sistemas sobre trilhos, como trens urbanos, metrôs e veículos leves sobre trilhos.

Inter 2 - O projeto de ampliação da capacidade da linha Inter 2 prevê a adequação viária com a implantação de binários, faixas exclusivas, construção de trincheiras em pontos críticos e a reconstrução dos terminais de transporte do Cabral, Campina do Siqueira, Portão, Capão Raso e Capão da Imbuia.

Na nova configuração dos terminais de integração a parada dos ônibus expresso será no subsolo com as demais linhas operando na superfície.

Novos ônibus articulados, com portas para embarque e desembarque pelos dois lados, vão operar na linha em substituição aos veículos atuais. O Ligeirinho Inter 2 transporta 80 mil passageiros por dia, num percurso circular com 76 quilômetros de extensão (38 Km por sentido) e passa por 22 estações-tubo (ida e volta).

Leste-Oeste - O investimento para a implantação do Ligeirão no Eixo Leste Oeste prevê o desalinhamento das estações-tubo e o alargamento da via expressa, para permitir as ultrapassagens.

No eixo Leste-Oeste são transportados 195 mil passageiros por dia. Com o ônibus de maior capacidade e o menor número de paradas o tempo de viagem será menor, a exemplo do que ocorre no eixo Boqueirão em que o passageiro ganhou 15 minutos no trajeto.

A Rede Integrada de Transporte atende Curitiba e 13 municípios da região e registra, por dia 2,4 milhões de passageiros em 350 linhas com 1.915 ônibus.

No total, são 81 quilômetros de canaletas, 30 terminais (21 urbanos e nove metropolitanos) e 364 estações tubo. Somados, os ônibus percorrem por dia 500 mil quilômetros em 21 mil viagens.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário